JMJ 2023 será para abrir o coração, diz o Papa. Em Portugal viveram-se 24 horas de oração

Assinalando os 400 mil inscritos na Jornada de Lisboa, Francisco dirigiu uma mensagem vídeo aos jovens. Disse-lhes para olharem “sempre mais além”, pois têm “sede de horizonte”. Pediu-lhes para não erguerem paredes nas suas vidas.

23 • JAN • 2023
 

Rui Saraiva – Portugal

“Estamos a aproximar-nos, embora faltem alguns meses, da Jornada Mundial da Juventude, e já há 400 mil jovens inscritos”, foi com estas palavras que o Papa Francisco se dirigiu em mensagem vídeo aos jovens saudando a adesão maciça ao evento de Lisboa.

 

 

Sede de horizonte

 

“A mim chama-me a atenção e alegra-me que tantos jovens venham porque precisam de participar. Alguns dirão “eu vou por turismo”, mas os jovens que vêm é porque, no fundo, sentem necessidade de participar, de partilhar, de contar a sua experiência e receber a experiência do outro, têm sede de horizonte”, disse o Papa.

O Santo Padre recordou aos jovens a importância de olharem “sempre mais além”, pois têm “sede de horizonte”. Pediu-lhes para não erguerem paredes nas suas vidas.

“Vocês, jovens, que são 400 mil, têm sede de horizonte. Que nesta Jornada aprendam sempre a olhar o horizonte, a olhar sempre mais além. Não levantem uma parede diante da vossa vida. As paredes fecham, o horizonte faz-te crescer. Olhem sempre o horizonte, também com os olhos, mas sobretudo com o coração. Abram o coração a outras culturas, a outros rapazes, a outras raparigas, que vêm também a esta Jornada”, salientou.

Neste tempo de preparação o Papa Francisco frisou que a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é “para abrir o coração”.

“Preparem-se para isto, para abrirem horizontes, para abrir o coração, e obrigado por se terem inscrito já com tanta antecedência. Espero que outros possam seguir o vosso exemplo, de se inscreverem. Que Deus vos bendiga, que a Virgem cuide de Vós. Rezem por mim que eu rezo por vós. E não se esqueçam: paredes não, horizontes sim. Obrigado”, concluiu.

Em janeiro 24 horas de oração

 

Em Portugal decorreram 24 horas de oração pela JMJ nos dias 21 e 22 de janeiro. Um desafio lançado pelo Comité Organizador Local (COL) da JMJ.

Nas dioceses portuguesas viveram-se momentos de especial oração e de encontro entre os jovens. As vigílias de oração decorreram sendo dado especial espaço à Adoração ao Santíssimo Sacramento da Eucaristia.

O objetivo desta iniciativa de longa e larga expressão em todo o país, foi convidar as pessoas a rezarem pela JMJ Lisboa 2023. A proposta foi encontrar Jesus Sacramentado num exercício de oração com um coração renovado.

Símbolos seguem de Viana do Castelo para Braga

 

Entretanto, decorre na diocese de Viana do Castelo a peregrinação dos símbolos da JMJ. A cruz peregrina e o ícone mariano “Salus Populi Romani” têm percorrido a diocese do norte de Portugal com várias atividades, incluindo em ambientes de festas tradicionais como são os arraias populares daquela região.

“Arraial da Juventude” foi o nome dado pelo Secretariado da Pastoral Juvenil de Viana do Castelo a uma iniciativa dinamizada por aquele organismo da diocese.

“Um arraial minhoto típico que nos caracteriza tanto”, realçou o padre Domingos Meira, que é também o coordenador do Comité Organizador Diocesano (COD) de Viana do Castelo para a JMJ 2023, em declarações à Agência Ecclesia.

Os símbolos da JMJ chegaram a Viana do Castelo no dia 29 de dezembro de 2022 e vão ser entregues à Arquidiocese de Braga no próximo dia 29 de janeiro, depois de terem percorrido as comunidades dos dez arciprestados da diocese de Viana do Castelo.

Segundo o padre Domingos Meira, esta peregrinação “está a correr muito bem” e está a ter o efeito “de mobilizar, de abrir as portas” na preparação da diocese para a JMJ Lisboa 2023.

“Toda a gente abre as portas para acolher os símbolos com expectativa, com alegria, e sente-se algo especial em quem recebe os símbolos”, disse o coordenador do COD Viana do Castelo à Agência Ecclesia.

Recordemos que foi no domingo dia 23 de outubro que o Papa Francisco se inscreveu durante a oração mariana do Angelus, como primeiro inscrito da JMJ Lisboa 2023. Neste momento já são mais de 400 mil os inscritos.

A Rádio Vaticano e o Vatican News continuam a acompanhar a preparação da Jornada Mundial da Juventude que decorrerá de 1 a 6 de agosto em Lisboa.

Laudetur Iesus Christus