Seja um missionário em Moçambique

11.Junho.2024
 

Talvez quando você pense em missão, a primeira coisa que vem à sua mente seja uma vida doada em meio ao povo africano. Sim, é isso que vem à mente de muitas pessoas, justamente pela história de sofrimento e marginalização que este povo carrega. A missão Salvatoriana é um testemunho vivo do compromisso com o povo da África, especialmente com o serviço aos mais necessitados. Através de diversas iniciativas ao redor do mundo, a Família Salvatoriana mostra como você pode responder ao chamado para ser um missionário em Moçambique, por exemplo, e fazer parte dessa importante iniciativa, sinal do amor de Deus em sua vida. É o que chamamos de missão Ad gentes

O que é a missão Ad Gentes?

A expressão \"Ad Gentes\" vem do latim e significa \"para as nações\". Ser um missionário ou missionária Ad gentes significa que essa pessoa realiza um trabalho de evangelização direcionado para povos e culturas que mais necessitam de atitudes e testemunho que transmitem os ensinamentos do Evangelho de Jesus Cristo. É um ato de responder ao \"Ide, portanto, e fazei discípulos de todas as nações\" (Mateus 28,19). 

A missão Ad Gentes é, portanto, um chamado para levar a mensagem de Cristo a todos os cantos do mundo, especialmente àqueles que ainda não tiveram a oportunidade de conhecê-lo.

O Papa Francisco, na sua mensagem \"Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo\", reforça a importância de renovar o compromisso missionário da Igreja. Ele afirma que a missão deve ser vivida em comunhão: \"Recebemos gratuitamente este dom, e gratuitamente o partilhamos, sem excluir ninguém. Deus quer que todos os homens sejam salvos, chegando ao conhecimento da verdade e à experiência da sua misericórdia por meio da Igreja, sacramento universal da salvação\".

A Missão em Moçambique: uma iniciativa da Província Salvatoriana Brasileira

Desde muito tempo, a Província Salvatoriana Brasileira manifestou o desejo de realizar a missão Ad Gentes. Fora das Américas, o continente africano foi o escolhido para esta missão. Em 2004, o Superior Geral Pe. Andrew Urbanski enviou três missionários salvatorianos brasileiros para iniciar o trabalho pastoral na Diocese de Chimoio, aproveitando a experiência das irmãs salvatorianas para melhor conhecer o país e identificar o local adequado para atuar. Os desafios eram grandes no início, mas, com a graça divina, foram superados.

Logo depois, os Salvatorianos decidiram assumir a Região Missionária de Chókwé, na Diocese de Xai-Xai, ao sul do país, anteriormente administrada pelos Padres Vicentinos. Com o tempo, os desafios iniciais da missão foram superados pelo esforço de adaptação e pelo desejo de que as coisas realmente dessem certo. As diferenças culturais e as características da Igreja local não impediram os Salvatorianos de viverem a essência e os elementos fundamentais do “ser salvatoriano”, que aos poucos foram fazendo a diferença, especialmente com o envolvimento de leigos na ação pastoral e na formação para um apostolado vivo e eficaz.

Frentes de Missão Atuais

Atualmente, a missão Salvatoriana em Moçambique se desenvolve em quatro frentes principais:

1. Missões de Chókwé e Chilembene: atendendo pastoralmente 36 comunidades e mais de 90 núcleos de oração.

2. Centro de Formação em Machel: realizando encontros de formação de lideranças e funcionando como Instituto Padre Pancrácio, com a etapa do Propedêutico e experiência vocacional.

3. Instituto São Paulo Apóstolo em Boane (Maputo): seminário da etapa do Postulantado com estudantes de Filosofia.

4. Missão do Divino Salvador em Vanduzi, na Diocese de Chimoio: novo campo pastoral com suas respectivas comunidades.

A missão já mostra bons frutos com um número significativo de formandos, além de Salvatorianos moçambicanos já ordenados e assumindo o apostolado com vigor. Um dos sonhos é a implementação de um Colégio Salvatoriano na cidade de Chimoio, atendendo à dimensão da educação e formação da juventude.

Colaboração Internacional

Apesar de a presença salvatoriana em Moçambique ter iniciado com missionários brasileiros, os Salvatorianos da República Democrática do Congo também colaboram, dando suporte e continuidade à missão. Muitos Salvatorianos já passaram e deram sua contribuição à missão e atualmente temos:

Pe. Ederaldo Macedo de Oliveira (brasileiro) como vice-reitor na formação da Filosofia;

Pe. Alfredo Domingos Cumbi (moçambicano), como Pároco – Chókwè e Chilembene;

Pe. Michel Musenge Simbi (congolês) como Vigário – Chókwè e Chilembene;

Pe. Davide Caisse (moçambicano) na Formação da Etapa da Filosofia;

Pe. Evariste Ngoy Kabutwe (congolês) auxiliando na formação da Filosofia;

Pe. Celestino Madaba (moçambicano) na educação com as Irmãs Salvatorianas em Chimoio;

Pe. Michael Regnatus Henerico (tanzaniano) na educação com as Irmãs Salvatorianas em Chimoio;

Pe. Eric Ngoy Mwamba (congolês) na Formação do Propedêutico em Machel;

Como você pode fazer parte dessa missão? 

Ser um missionário não é reservado apenas para aqueles que podem viajar para lugares distantes. Há muitas maneiras de se envolver e apoiar a missão Ad Gentes de onde você está:

Orações: rezar pelos missionários e pelas comunidades que eles servem.

Doações: contribuir financeiramente para apoiar os projetos missionários.

Voluntariado: participar de programas de voluntariado local ou internacional.

Formação: aprender mais sobre a missão e como você pode se preparar para ser um missionário.

O Papa Francisco nos lembra que todos nós somos chamados a ser missionários: \"Eu sou sempre uma missão; tu és sempre uma missão; cada batizado e batizada é uma missão. Quem ama, põe-se em movimento, sente-se impelido para fora de si mesmo: é atraído e atrai; dá-se ao outro e tece relações que geram vida.\"

Participe da Semana Vocacional Salvatoriana

Se você sente o chamado para a missão e deseja saber mais sobre como se tornar parte da Família Salvatoriana, convidamos você a participar da Semana Vocacional Salvatoriana que vai acontecer nos dias 24 a 28 de junho, às 20h, no canal do YouTube da Sociedade Salvatoriana. Será uma excelente oportunidade para conhecer mais sobre o carisma, a espiritualidade e as diversas formas de envolvimento na missão Salvatoriana.

Junte-se a nós. Entre em contato e descubra como você pode ser um instrumento de Deus na missão Ad Gentes

Participe da Semana Vocacional Salvatoriana no canal do Youtube @vocacoessalvatorianas.